O juiz que deletava tweets

Trilha sonora recomendada para ler o texto: Leandro e Leonardo.

Algumas paixões são misteriosas. A dos homens por carros, por exemplo, sempre me intrigou. A do juiz da Lava Jato que sonha em ser tuiteiro é outra que me comove.

Não aprendi dizer adeus

1/2018. DELETADO ? Dúvida

É bom que o juiz saiba que tuiteiro não lembra o aniversário da mãe, mas tem uma memória implacável para tuítes deletados. Começo minha seleção pela despedida BÁSICA que tuiteiros dão toda segunda e como NÃO TEM VERGONHA NA CARA voltam já na quarta como se nada tivesse acontecido.

Não sei se vou me acostumar

19 de fevereiro de 2019. DELETADO

AffffFFFFFFFFffFFFFFFFFFFF COMO VOCÊS SÃO BOBOS. Aquele dia que o tuiteiro tá de SACO CHEIO e sai desmerecendo a timeline toda. “PORQUE VCS NÃO CONSEGUEM FALAR SÉRIO. CRESÇAM BLABLABLA”. Duas horas depois o tuiteiro tá lá postando um MEME. Normal, seu juiz.

Apesar de tanto amor, vai ser melhor assim…

4/2018. DELETADO

Como toda interação é suspeita, pois o Twitter uma cidade do interior e todo mundo sabe de tudo, juiz fez a DIPLOMÁTICA. Acontece que MAGNO MALTA FICOU TÃO LOKA que acrescentou os sobrenomes Moro e Bretas em seu nome de registro no painel eletrônico no Senado Federal. Em seguida, o juiz deletou a mensagem carinhosa enviada para o então senador Magno Malta BRETAS.

É por você que canto

5/2018. DELETADO

Super normal também. Quando você fala uma merda e daí uma pessoa com influência retuíta, tipo a Monica Bergamo, chega o coração dispara. EITA, APAGA, APAGA. Já passei por isso quando tuitei que o Eduardo Cunha estava num flat em Moema (é uma piada interna, mas amigos jornalistas começaram a ligar e PENSE NUM DESESPERO). Alguém lembra do que o Bretas tava falando nesse episódio REPUTAÇÃO?

Sonho por Sonho

10/2018. DELETADO.

ISSO É MUITO TUITEIRO! Todo baseado na tal “lacração”, termo usado pelos jovens para descrever atos de “querer aparecer”, Bretas aproveitou o protesto de Roger Waters para:

  1. Dizer que é MÚSICO, “uma pessoa culta, toca até instrumento, veja”.
  2. Apoiar Bolsonaro desmerecendo Roger Waters.

Eu juro. Por mim mesmo. Por Deus, por meus pais. Vou te amar…

DELETADO?

Se o corregedor nacional de Justiça não vê violação em comentário de Bretas sobre política no Twitter, QUEM SOU EU?

“Qual é a relevância desse texto mesmo?” Perguntaria o juiz baluarte da sabedoria. A resposta é: nenhuma. Mas li em algum ensinamento do Olavo de Carvalho que a personalidade, o caráter, entre outras coisas, estão nas sutilezas.

Uma ótima quarta.

Publicado por

cacaucb

escritora e jornalista

Um comentário sobre “O juiz que deletava tweets”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s